Estufado marroquino de grão-de-bico com legumes e damascos

estufado de grãoA receita que vos partilho esta semana é um estufado com inspiração proveniente do Norte de África, dos tradicionais estufados marroquinos.

Sendo Marrocos também próximo da zona mediterrânica, muitos ingredientes utilizados na sua gastronomia, são também comuns à nossa. As frutas e vegetais, azeite, e as frutas secas são alguns destes ingredientes, embora a utilização de tâmaras, damascos, ameixas secas seja diferente, e mais aplicada a pratos salgados. Ingredientes como o açafrão, hortelã, azeitonas da região, laranjas e limões, são provenientes deste país, e merecem um lugar de destaque na culinária local. As especiarias são utilizadas intensivamente na cozinha marroquina, e acredito que seja isso que a destaca. As especiarias mais utilizadas são a canela, cominhos, curcuma, gengibre, pimentas, sementes de anis e açafrão. As ervas aromáticas mais comuns incluem a hortelã e a salsa.

A minha versão de um estufado marroquino não fugiu aos sabores tradicionais, e teve uma forte influência desta receita, a sopa Harira,  da Joana, do blog Veggies on the Counter(que aconselho a experimentarem!). Juntei damascos secos que dão uma doçura inesperada ao prato, e aconselho também a adicionarem batata doce ou abóbora (assim que chegar a estação dela), ou outros vegetais que preferirem.

grão

Estufado marroquino de grão

Serve 2

½ chávena (ligeiramente menos, uns 80g) de grão de bico seco, demolhado durante a noite, lavado e escorrido
1 colher de sopa de azeite
½ cebola, picada
2 dentes de alho, picados
1 cenoura, cortada em cubos
½ colher de chá de canela em pó
½ colher de chá de gengibre em pó
1 colher de chá de cominhos em pó
¼ colher de chá de pimenta preta moída
1 tomate muito maduro, pelado e cortado em cubos
3 chávenas de água
½ colher de chá de sal marinho
¼ chávena de damascos secos cortados

Numa panela média refogue a cebola, alho, cenoura e especiarias no azeite, durante uns 3 minutos, até que a cebola amolecer. Adicione o tomate, e deixe cozinhar mais alguns minutos, até o tomate ficar completamente reduzido a molho. Adicione o grão-de-bico e as 3 chávenas de água. Assim que o estufado começar a ferver, abrande o lume, não tape completamente a panela, e deixe cozer durante aproximadamente 50 minutos a uma hora. Vá vigiando e mexendo o estufado, pode ser necessário adicionar mais água. No final da cozedura, adicione os damascos secos e o sal ao estufado. Ajuste o tempero a gosto.
Sirva com cuscuz.
estufado de grão

Recipe in English

Moroccan chickpea stew

Serves 2

½ cup (95g) dried chickpeas, soaked overnight, rinsed and drained
1 tablespoon olive oil
½ onion, finely chopped
2 garlic cloves, minced
1 carrot, cut into cubes
½ teaspoon ground cinnamon
1 teaspoons ground ginger
1 teaspoons cumin powder
¼ teaspoon freshly ground black pepper
1 very ripe tomato, peeled and cubed
2 cups water
½ teaspoon sea salt
¼ cup dried apricots, chopped

In a medium pan sauté onion, garlic, carrots, and spices in olive oil, for 3 minutes or so, until the onion has softened. Add tomato, and cook for a few minutes more, until the tomato has been reduced to sauce. Add chickpeas and the 2 cups of water. Once the stew is boiling, lower the heat, cover the pot with a lid and cook for 50 minutes to 1 hour.
At the end of cooking, add dried apricots and salt to the stew. Adjust seasoning to taste.
Serve with couscous.

12 comments

  1. Olá Márcia! Muito obrigada pela partilha. Sem dúvida que os damascos devem dar um toque especial ao estufado. Queria também dizer-te que as tuas barras cruas de chocolate e amêndoa estão na minha lista de coisas a experimentar brevemente. Têm um aspecto divinal. Beijinho!

    1. olá Nina! :) Sim, acho que se pode dizer isso! Mas para esclarecer, fazer um estufado é quase como fazer um cozido, mas com um refogado inicial. Os ingredientes adicionados também são cozidos com uma quantidade relativamente pequena de líquido, e a cozedura também costuma ser lenta para apurar o molho.
      Beijinhos

  2. Pingback: Looking back… |

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>