Aperitivos & snacks

Batata-doce no forno com maionese de alho

Durante a semana raramente tenho muito tempo para cozinhar, e subsisto de refeições rápidas e simples. Mas ao fim-de-semana gosto de caprichar um bocadinho e fazer algo diferente e mais apetecível. Mas guloso também pode significar saudável, e estas batatas são a prova disso!
sweet potato chips
Cortadas fininhas, as batatas, ou outros vegetais, ficam crocantes no forno a elevadas temperaturas (tendo cuidado para não os queimar claro…). Aproveitem e juntem especiarias a gosto, sendo que quando uso batata-doce não resisto em juntar colorau, orégãos, uma pitada de sal e pimenta preta, para um sabor mais elaborado.

A acompanhar estas batatas, ia fazer uns hambúrgueres de feijão preto, mas recriei esta salada de feijão preto com manga e abacate, e tornou-se uma refeição ainda mais simples e rápida, possível de ser feita durante a semana.

Também acompanhei com maionese de alho, que é conseguida a partir de cajus (e nada tem a ver com a receita original, conseguida a partir de uma emulsão de gordura com a lecitina dos ovos). Esta versão também não tem gorduras adicionadas, mas ainda assim permite-nos obter um molho cremoso. Apenas recomendo que utilizem um bom processador de alimentos/liquidificador/máquina de cozinha para obter um molho com uma boa consistência.

sweet potato chips1 (mais…)

Crackers de sementes

crackers de sementes21Há uns tempos apercebi-me que estava em falta uma receita para acompanhar algumas pastas que podem encontrar na página “Aperitivos”, como o Hummus, Baba Ghanoush, Pasta de abacate de grão, Pasta de ervilhas, ou Chutney de manga. Sendo o pão um acompanhamento óbvio, achei que faltava algo menos comum, como umas crackers, para acompanhar estas pastas.

Experimentei algumas receitas com diferentes farinhas e sementes, e cheguei até esta receita, à qual até juntei ervas aromáticas e cebola, para dar mais sabor. Esta versão é então salgada, porque acredito que acompanha muito bem as pastas que vos sugeri, mas também é possível fazer uma versão mais doce, com substituição da cebola por maçã, algum xarope no lugar do azeite, e canela em vez das ervas aromáticas, para um snack mais apelativo para um lanche.

crackers
(mais…)

Chamuças de tempeh

chamuças de tempeh2
Lembram-se da última receita que vos partilhei com tempeh? Já foi há quase um ano, mas entretanto tenho cozinhado mais vezes com esta proteína vegetal, e descobri novas formas de a confeccionar. E aparentemente, nunca mais tive más experiências com o sabor característico deste alimento.
Desta vez usei o tempeh como recheio para fazer chamuças, envolvido em especiarias e vegetais para lhe dar mais riqueza em sabor e textura. O tempeh é um bocadinho seco, por isso juntar vegetais picadinhos como cebola, pimento, cenoura,  (entre outros…) é uma boa ideia pois os vegetais libertam os seus sucos durante o refogado, e dão mais humidade e uma boa textura ao recheio, sem a necessidade de juntar muito azeite.
Utilizei massa filo para cubrir as chamuças, mas também podem usar outras massas, e até folhas de arroz. Não resisti a decorá-las com sementes de sésamo pretas, e a pincelá-las com um pouco de azeite, para que ficassem bem crocantes.
Sugiro que, caso façam esta receita, a sirvam imediatamente no próprio dia, pois como estas chamuças não são fritas, nem esta massa é muito rica em gordura, no dia seguinte perdem a sua textura crocante. Sugiro também que sirvam com uma boa salada, e acompanhem as chamuças com chutney de manga.
chamuças de tempeh1
tempeh2 (mais…)