Looking back: 2014

Looking back: 2014

Foi mais um ano de blogue, com novas receitas, artigos, e muita aprendizagem.
Posso-vos dizer que até estava com receio de escrever este artigo. Os últimos meses não foram fáceis em termos de disponibilidade para o blogue, e estava com receio que as últimas receitas destoassem do restante ano. De facto sinto que alguns artigos não correram tão bem, ou pelo menos não corresponderam às minhas expectativas. E por isso peço-vos desculpa por estar tão distante desde Setembro/Outubro, sem responder a comentários ou mensagens, e sem comentar o trabalho de outros blogues que admiro, mas isto aconteceu porque este último semestre da faculdade foi bastante exigente, e todo o meu tempo livre foi sempre ocupado por trabalhos, relatórios e testes. Acabei por reservar apenas as manhãs do fim-de-semana para novas receitas, e uma noite por semana para a publicação, mas sinto que com horários tão rígidos, e com tão pouco tempo para a criatividade, ter um blogue tornou-se quase um trabalho enfadonho, porque a minha cabeça girava em torno das preocupações da faculdade, e não novas formas de fotografar estufados, ou escrever receitas de tartes… Mas desde que estou em casa a estudar para a fase de exames, apesar de ainda não ter tempo para responder às vossas mensagens, o meu ânimo face ao blogue voltou.

Agora, retomando o assunto do percurso do blogue de 2014… Foi inevitável começar a pensar em tudo aquilo que o blogue me proporcionou em 2014. Começando pela aprendizagem de áreas que adoro como a culinária, a fotografia, mas também dentro da minha formação, a nutrição, conhecer algumas pessoas fantásticas deste nosso mundo dos blogues, que admiro. E, também, permitiu-me chegar onde nunca imaginei! Desde a partilha de algumas receitas numa revista, a publicação de algumas receitas no livro “Dieta das Princesas”, até aos 15 minutos de fama na TV, não poderia ter ficado mais contente por ver o meu projecto ser divulgado, assim como o meu estilo de vida!

E quanto ao que foi feito aqui no blogue… Neste artigo, à semelhança do ano passado,tentei sumarizar o trabalho desenvolvido ao longo deste ano, e referir aqueles artigos que mais gostei de partilhar convosco, e que correram melhor em termos de fotografia, texto, e também da própria criatividade da receita. Tive também em conta aqueles artigos com mais visualizações, que curiosamente iam de encontro aos que tinha em mente.

Um dos artigos que mais gostei de escrever foi o “Iniciação ao vegetarianismo“, um artigo com receitas básicas e dicas de nutrição para quem se está a iniciar numa alimentação vegetariana. Também, dentro do tema da nutrição, escrevi durante este ano artigos sobre micronutrientes importantes, no separador dedicado ao tema.
Outro artigo que adorei escrever foi “O que um vegetariano pode comer antes de depois de um treino“, em que falo da minha rotina de exercício físico, aquilo que como, e a sua explicação. Ah, e ainda o “sumos ou batidos” em que exponho a minha opinião em relação aos mesmos, e à minha preferência em relação a uma alimentação saudável, em detrimento de jejuns baseados na ingestão de sumos.

Dentro dos artigos mais focados em receitas, e começando pelo pequeno-almoço, partilhei-vos receitas saudáveis, como o muesli demolhado em sumo de laranja com iogurte e frutas, e uma deliciosa granola de trigo sarraceno.

Partilhei mais alguns aperitivos como quiches de cebola caramelizada, de uma uma pequena viagem até aos Gerês, e algumas fotografias deste ambiente natural que agora me deixa saudades, e também sandes com pasta de grão-de-bico e abacate, uma das minhas refeições preferidas para levar a faculdade.

Nos pratos principais, partilhei-vos para além daqueles que já referi, pratos étnicos, como o estufado africano de amendoim, e soba noodles com tempeh, vegetais e molho de gengibre e lima.
Aproveitei a Semana Vegetariana para vos partilhar o meu percurso no vegetarianismo, e algumas instruções para fazer seitan, e este delicioso caril, feito com iogurte vegetal.

Também vos mostrei receitas rápidas para todos os dias como arroz salteado com especiarias picantes, feijão preto e espinafres, ou cuscuz com couve-flor assada, grão e amêndoas. E alguns pratos reconfortantes para os dias mais frios, como a minha sopa Minestrone.

Compassionate Cuisine - Receitas vegetarianas - Looking back: 2014

Nas sobremesas, fiz uns deliciosos fondants de chocolate, e esta tarte de mousse de abacate e chocolate (crua). Talvez para o ano deixe a gula de lado e faça menos receitas com chocolate! 😉

2014 foi um ano fantástico. Teve os seus momentos altos, e alguns momentos menos bons, mas no final senti que o blogue cresceu imenso este ano, e é sem dúvida graças aos leitores. Agradeço-vos a todos por todos os comentários, partilhas, mensagens e envolvimento nas redes sociais! Espero que continuem a visitar este pequeno espaço, e espero continuar a surpreender-os com novas receitas e artigos!

E assim, após alguma reflexão face ao meu trabalho no blogue, posso-vos dizer em antemão que o próximo ano vai ter mais receitas tradicionais portuguesas, e cada mês, se possível vou fazer por partilhar convosco um artigo com um tema diferente, sobre ao estilo de vida, saúde, cosméticos, e possivelmente exercício físico. Neste momento ainda estou a planear estas ideias, mas como sabem, aceito sempre as vossas sugestões.

Bom ano de 2015!

    • 03 Janeiro 2015 / 9:39

      Só espero estar a morrer de velhice e ainda ler o teu blog (e ter uma série de livros teus na cozinha). Porque, sinceramente, a minha vida de leitora já não é a mesma sem este blog! Um xi-coração gigante & Bom 2015 🙂

    • 03 Janeiro 2015 / 20:39

      Parabéns! Parabéns pelo blog, pelas partilhas, pela inspiração.
      Gratidão por essas mesmas partilhas e pela inspiração.
      Continuados sucessos num ano muito feliz que vai ser 2015!
      Beijinho
      Gratidão!
      Cláudia

    • Susana
      16 Janeiro 2015 / 17:54

      2014 foi o ano em que descobri este blog e mesmo tendo já visto e revisto todas as receitas ainda me consigo encantar cada vez que venho à procura de algo novo para testar.
      Os meus parabéns e votos de que possamos ter muitas mais receitas em 2015!

    • 18 Janeiro 2015 / 0:53

      O teu blog é uma fonte de inspiração inesgotável, acho que não tens de preocupar com a qualidade dele pois tem sempre aumentado e todas as tuas receitas têm algo novo e surpreendente. Aquele molho de tomate com leite de coco que publicaste com umas almondegas é agora o meu molho de tomate para tudo lá em casa, faço om almondegas, já fiz para empadas, em caril…. só para veres como às vezes pequenas coisas, que parecem sem importância, têm o seu impacto! 🙂

      beijinho grande e que 2015 seja ainda um melhor ano para o blog, que tenho a certeza vai continuar a crescer e a ser um dos mais fantásticos blogs de sempre! 😉

      • marciagoncalves93
        26 Janeiro 2015 / 16:19

        Muito obrigada Patrícia pelas palavras! (Aliás, agradeço a todos!!)
        Sabes que também desejo muito sucesso ao Not Guilty Pleasure 🙂
        Um beijinho!

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de email não será publicado.

Outras Receitas que merecem destaque