Tarte de tomate-cereja e húmus

Tarte de tomate-cereja e húmus

Aperitivos Snacks salgadosed-amine-

Aperitivos & snacks

Tarte de tomate-cereja e húmus

Frutos gordos, Grão-de-bico, Leguminosas, Massa filo, Pinhões, Tomate,
Dificuldade
17
22 Julho, 2017
/
12

Gostava de vos ter trazido novidades mais cedo, mas as circunstâncias mudaram desde as últimas publicações, e admito que tive dificuldade em manter este hábito diário de organizar as ideias de receitas, colocá-las em prática e passá-las até vocês. Agradeço a quem teve a preocupação de enviar mensagens e e-mails neste período, e a quem ajudou a manter o blog ativo, através das visitas, partilhas, comentários e partilha dos resultados de receitas que foram colocando em prática.
Posto isto, achei que estava na altura de recomeçar a página, e dar-vos a novidade de que está prevista em outubro a publicação do livro de receitas que partiu deste projeto!

Agora, passando à descrição da receita. A receita partiu de uma ideia que ficou por concretizar durante o planeamento de um workshop. E ficou guardada até bem recentemente, quando o início da época do tomate pareceu justificar colocar, finalmente, a ideia em prática.

Não estimem a complexidade da receita pelo tamanho do procedimento. O único passo mais crítico é apenas o manuseamento da massa filo, para quem não está familiarizado com a sua utilização. Neste caso, poderá encontrar uma sugestão para manter a hidratação da massa no procedimento.
Utilizei apenas ½ pacote de uma embalagem de 120g de massa filo mas, para esta quantidade de recheio, poderiam ser utilizados 100 a 120g, para obter uma base mais consistente. Ainda sobre a massa filo, como depois de confecionada tende a ficar menos estaladiça com o passar do tempo, sugiro que a tarte seja imediatamente servida.

A pensar na massa filo crocante, o recheio tinha de ser cremoso e saboroso, e por isso utilizei o húmus de leve sabor a citrinos, coberto de tomates-cereja que rebentam na boca de sabor, e alguns pinhões tostados que também fornecem alguma textura à tarte, e conservam o sabor amargo característico dos frutos gordos. Os pinhões podem ser omitidos ou, substituídos por azeitonas cortadas ou frutos gordos do vosso gosto.

Tarte de tomate-cereja e húmus

Húmus
260g de grão-de-bico cozido (1 lata pequena)
2 colheres de sopa (30mL) de sumo de limão fresco
1 dente de alho, picado
2 colheres de sopa de azeite
½ colher de chá de cominhos moídos
2-3 colheres de sopa de água
4 colheres de sopa de salsa picada
Pimenta preta a gosto

2 a 3 folhas (60g) de massa filo

1 colher de sopa de azeite
250g de tomate cereja
2 colheres de sopa (15g) de pinhões, ligeiramente tostados

Procedimento:

  1. Pré-aqueça o forno a 180˚C, e cubra com papel vegetal uma forma para tartes ou similar de 20cm de diâmetro.
  2. Para fazer o húmus: Triture no processador de alimentos o grão-de-bico e junte o sumo de limão, o alho, o azeite e os cominhos. Adicione, conforme necessário, as 2 a 3 colheres de sopa de água, até ser atingida uma consistência cremosa. Junte por fim as ervas aromáticas frescas picadas. Ajuste os temperos a gosto.
  3. Para o recheio, numa frigideira antiaderente aqueça um fio de azeite, e junte os tomates cereja (inteiros). Deixe fritar ligeiramente cerca de 5 minutos, mexendo ocasionalmente a frigideira, até que a pele dos tomates comece a caramelizar. Reserve.
  4. Comece por cortar as folhas de massa filo ao meio. Enquanto é manuseada, a massa filo deve repousar sobre um pano húmido e coberta com película aderente para prevenir que seque. Coloque uma folha de massa filo na forma com papel vegetal e pincele com azeite. Sobreponha as restantes folhas de massa, alternando a direção das folhas, e pincelando-as com azeite.
  5. Espalhe o creme de grão-de-bico na base da tarte. Coloque os tomates caramelizados, e junte os pinhões. Feche as bordas da massa filo, uma a uma, fechando o círculo de creme de grão-de-bico. Leve a tarte ao forno durante cerca de 20 minutos, até ficar dourada.

 

Bom apetite...

    • 22 Julho 2017 / 19:01

      Parece super deliciosa

    • Joana
      22 Julho 2017 / 21:33

      Parece delicioso e o resultado é muito bonito!
      Aguardamos o livro

    • Cristina
      22 Julho 2017 / 22:07

      Já tinha saudades de notícias…a tarde tem um aspecto delicioso!!!

      • 23 Julho 2017 / 12:03

        Muito obrigada Cristina! Pois, foram alguns meses sem dar notícias, mas conto neste momento voltar a partilhar receitas de forma consistente. 🙂

    • Sofia Fonseca
      23 Julho 2017 / 9:16

      Que bom aspeto!!! Já tinha saudades das tuas receitas e das tuas palavras. Bom regresso!!

    • fatima rodrigues
      23 Julho 2017 / 9:30

      Está com ótimo aspeto pena é que se recorra ao grão de bico enlatado.Em vez de massa filo não poderemos criar outra?

    • 25 Julho 2017 / 8:57

      Muitos parabéns pela novidade, o livro. Honestamente, há imenso tempo que não visitava o teu blog, antes visitava-o de forma anónima. A 12 de Junho, criei o meu blog e tenho partilhados as iguarias mais apreciadas cá por casa. E como há imenso tempo que faço as bolachas de melaço e especiarias, que são do agrado geral cá por casa, mas essencialmente da minha filha. Partilhei hoje a receita no meu blog, com os devidos créditos, que convido-te desde já a visitar. Obrigada. beijinhos

      http://saboresdoninho.blogspot.pt/

    • Marta Figueira
      25 Agosto 2017 / 17:27

      Ontem experimentei fazer esta receita e o resultado foi delicioso, como aliás tudo o que faço a partir das suas receitas!
      Muitos parabéns pelo excelente trabalho!
      Fico a aguardar ansiosamente notícias sobre o livro e desejo muito sucesso!

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Outras Receitas que merecem destaque